Paralisação da Pêssego Transportes afeta linhas na zona leste

SÃO PAULO/SP – Os operadores de algumas linhas da Pêssego Transportes permanecem parados desde o início da manhã. Em nota, a SPTrans diz que pode multar a empresa pelas partidas não cumpridas.

As equipes da SPTrans estão nos locais mais afetados para orientar os usuários quanto às alternativas de deslocamento. Vale ressaltar que o descumprimento das partidas programadas é passível de multas“, diz a SPTrans em seu site.

As linhas relacionadas pela SPTrans são as seguintes:
3725/10 Metrô Vl. Matilde – Vl. Dalila
3718/10 Metrô Artur Alvim – Nova America
3728/41 Metrô Artur Alvim – Pq. Nova Savoy
372F/10 Univ. São Judas Tadeu – Metrô Bresser
3735/10 Metrô Artur Alvim – Jd. São João
3735/21 Metrô Artur Alvim – Jd. São João
3735/41 Metrô Artur Alvim – Jd. São José
3742/10 Jd. Laranjeira – Metrô Itaquera
3796/10 Gleba do Pêssego – Metrô Itaquera
3766/10 Cohab II – Metrô Itaquera
3741/10 CPTM Dom Bosco – Metrô Itaquera
373L/10 Jd. Limoeiro – Metrô Itaquera
3732/10 CPTM José Bonifácio – Metrô Itaquera
3721/41 Shop. Aricanduva – Metrô Itaquera

A Pêssego Transportes atende às regiões de Itaquera, Vila Matilde, Artur Alvim, Guaianases e Cidade Tiradentes. Ao todo ela possui 41 linhas.



Este site é o Circular Avenidas, informativo sobre mobilidade urbana e transporte rodoviário.
– não temos nenhum vínculo com empresas ou gestoras de sistemas de transporte.
– se tiver fotos, vídeos ou informações, mande pra gente: 11 94040 3050, via Whatsapp ou Telegram (só para texto. Não atenderemos ligações para o número ou chamadas de áudio pelo Whatsapp/Telegram).
Siga-nos nas redes sociais:
– no Facebook: www.facebook.com/circularavenidas
– no Twitter: twitter.com/circavenidas
– no Instagram: www.instagram.com/circularavenidas
– informações via Telegram: https://t.me/CircAvenidas


José E. Sales

Estudante de jornalismo e um apaixonado por mobilidade urbana, especialmente por ônibus. Fale conosco: esales@circularavenidas.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.