Governo Estadual vai cobrar prejuízos pela paralisação da Linha 15 na justiça

SÃO PAULO/SP – Neste domingo, a Linha 15-Prata chegou ao seu nono dia sem operar. E ainda não se sabe quando ela voltará a prestar serviço.

De acordo com nota encaminhada pela Secretaria dos Transportes Metropolitanos, o prejuízo diário pelo fechamento da linha chega a R$ 1 milhão por dia. Para ressarcimento desses valores, o Governo do Estado vai acionar o Consórcio CEML (formado pelas construtoras OAS e Queiroz Galvão e pela fabricante dos trens e sistemas Bombardier) na justiça por “todos os prejuízos decorrentes da paralisação da Linha 15-Prata, por problemas apresentados nos trens do monotrilho.

O maior prejuízo é a população não ter a perspectiva de retorno de funcionamento do modal de transporte público, deixando trabalhadores e trabalhadoras sem o meio de transporte mais eficiente“, declarou o Secretário dos Transportes Metropolitanos Alexandre Baldy.

Além da cobrança, será tratado com os órgãos competentes na próxima semana o pedido de declaração de inidoneidade das empresas. Com essa declaração, elas ficariam proibidas de ter negócios com o poder público em todo o Brasil.

A nota encerra dizendo que “O Metrô mantém um gabinete de crise e acompanhamento das atividades de investigação da causa do incidente ao pneu e run flat do monotrilho, além de cobrar urgência na retomada da operação da linha com absoluta segurança.



Este site é o Circular Avenidas, informativo sobre mobilidade urbana e transporte rodoviário.
– não temos nenhum vínculo com empresas ou gestoras de sistemas de transporte.
– se tiver fotos, vídeos ou informações, mande pra gente: 11 94040 3050, via Whatsapp ou Telegram (só para texto. Não atenderemos ligações para o número ou chamadas de áudio pelo Whatsapp/Telegram).
Siga-nos nas redes sociais:
– no Facebook: www.facebook.com/circularavenidas
– no Twitter: twitter.com/circavenidas
– no Instagram: www.instagram.com/circularavenidas
– informações via Telegram: https://t.me/CircAvenidas


José E. Sales

Estudante de jornalismo e um apaixonado por mobilidade urbana, especialmente por ônibus. Fale conosco: esales@circularavenidas.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.